AZONASUL DEVE LIDERAR PRESSÃO PARA O FORNECIMENTO DE ENERGIA



O presidente da Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul), Vinicius Pegoraro (MDB), prefeito de Canguçu, anunciou que a entidade será protagonista na pauta sobre o mau atendimento e instabilidade no fornecimento de energia por parte da CEEE Equatorial. Uma audiência com o assessor de Relações Institucionais do Grupo Equatorial, Giovani Francisco da Silva está agendada para a próxima semana e deve ocorrer na sede da Azonasul.


Segundo Pegoraro, 21 municípios que integram a Azonasul são atendidos pela companhia e todos os prefeitos relatam problemas sérios no abastecimento da energia elétrica. Pegoraro ainda destaca que há problemas de mau atendimento e demora no restabelecimento de energia. “Nos últimos dias, por conta de chuvas e vendavais, recebemos diversas situações em todo o estado referente à prestação de serviços de distribuição de energia elétrica”, relata.


Conforme adianta o presidente, durante a reunião serão discutidas alternativas que amenizem o problema, no entanto, a Azonasul deverá relatar as dificuldades atravessadas para a Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul (Agergs), órgão que fiscaliza a atuação de distribuidoras de energia, para verificar o que pode ser feito para qualificar o fornecimento de energia. “Porém, isso só tem efetividade se houver pressão por parte de prefeitos e entidades da região”, reforça.

19 visualizações0 comentário